Mitos brasileiros: Cuca

Cuca


A cuca é um papão, um ente fantástico que mete medo às crianças causando pavor. Sua aparência varia de lugar para lugar, mas a maioria das pessoas diz que ela tem a forma de uma velha, bem velha e enrugada, corcunda, cabeleira branca, toda desgrenhada, com aspecto assustador. Ela só aparece à noite, sempre procurando por aquelas crianças que fazem pirraça e não querem ir dormir cedo. Então, a cuca as coloca num saco, levando-as embora para não se sabe onde e faz com elas não se sabe bem o que, mas, com toda certeza, trata-se de algo muito terrível.

Ela também é chamada de coca ou coco e assombra crianças de Portugal, Espanha, alguns países africanos e tribos indígenas brasileiras. Em alguns lugares ela é um velho, em outros, se parece com um jacaré ou uma coruja.

Existem muitas canções e versos sobre a cuca. Luís da Câmara Cascudo, em Geografia dos mitos do Brasil, indica a seguinte cantiga, comum no Nordeste brasileira.

Vai-te, coca, sai daqui
Para cima do telhado
Deixa o menino
Dormir sossegado

Nana, neném
Que a cuca vem pegar
Papai tá na roça
Mamãe foi cozinhar...

Fonte:
Cascudo, Luís da Câmara. Dicionário do folclore brasileiro. Rio de Janeiro, Instituto Nacional do Livro, 1954 | 9ª edição: Rio de Janeiro, Ediouro, sd | Geografia dos mitos brasileiros. 2ª ed. São Paulo, Global Editora, 2002, p.203-207

Amaral, Amadeu. O dialeto caipira. 4ª ed. São Paulo, Hucitec / Brasília, Instituto Nacional do Livro, 1981, p.121-122


Foto: Marcos Jardim Fernandes
Mitos brasileiros - OpenBrasil.org
Próxima página
Os mitos brasileiros são inúmeros, influenciados diretamente pela miscigenação na origem do povo brasileiro.

Devemos levar em conta que um mito não significa uma mentira, nem tão pouco uma verdade absoluta, o que devemos considerar é que uma história para ser defendida. Por ter sobrevivido na memória das pessoas, ela deve ter no mínimo uma parcela de fatos verídicos.